Pesquisadora: Nívia Pombo

Bio

Sou Professora Adjunta do Departamento de História – Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), atuando na Área de Moderna e Contemporânea. Graduada em História pela UERJ, com Mestrado (2002) e Doutorado (2013) em História Social pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Em 2015, publiquei o livro D. Rodrigo de Sousa Coutinho: pensamento e ação político-administrativa no Império Português (1778-1812), publicando artigos e capítulos de livros dedicados ao final do século XVIII. Atualmente integro como pesquisadora o INCT-Rede Proprietas. Coordeno o Núcleo de Estudos de História Moderna (NEHMO/UERJ). Atuo como Conselheira Editorial da Revista Brasileira de História. Tenho me dedicado aos seguintes temas: Ilustração, elites letradas, cultura escrita, tipografias, estudos de trajetória, Império português, território e direitos de propriedade no final do século XVIII.

Continuar a ler “Pesquisadora: Nívia Pombo”

Pesquisadora: Luciana Lopes dos Santos

Bio

Possui Licenciatura e Bacharelado em História pela UFRGS. Cursou Mestrado e Doutorado em História na mesma Universidade, sendo o último com estágio “sanduíche” na Universidade de Alcalá de Henares. Pesquisa na área de História Social da Cultura Escrita e História Moderna desde 2002. Foi professora da rede estadual do Rio Grande do Sul, lecionando História para alunos de 6º. a 9º. anos. Realizou estágio pós-doutoral entre fevereiro de 2018 e fevereiro de 2019 na Universidade de Salamanca, com o projeto denominado “Os Letrados e a Doutora: a Universidade de Salamanca e a Canonização de Santa Teresa (1591-1622)”. Atualmente, é professora efetiva na UFVJM, campus Diamantina-MG, das áreas de História Moderna e História da América (pré-colombiana e colonial).

Continuar a ler “Pesquisadora: Luciana Lopes dos Santos”

Pesquisador: Francisco de Paula Souza de Mendonça Júnior

Bio

Possui graduação em História (2005) pela Universidade Federal de Minas Gerais, mestrado (2009) e doutorado (2014) em História e Culturas Políticas pela mesma universidade, com a realização de estágio sanduíche na Université Paris-Est Créteil. Tem experiência na área de pesquisa em História, com ênfase em História Medieval, História do Renascimento, História do Esoterismo e História Política. É membro da Associação Brasileira de Estudos Medievais (ABREM). Atualmente ocupa o cargo de codiretor do Centro de Estudios sobre el Esoterismo Occidental de la UNASUR (CEEO-UNASUR), grupo de pesquisas afiliado a European Society for the Study of Western Esotericism (ESSWE). Dirige também a Revista Melancolia, vinculada ao CEEO-UNASUR. Desde 2019, é membro da Cátedra UNESCO-UFMG “Territorialidades e Humanidades: a Globalização das Luzes”. É professor adjunto do Departamento de História da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), onde fundou e dirige o Virtù – Grupo de História Medieval e Renascentista. Continuar a ler “Pesquisador: Francisco de Paula Souza de Mendonça Júnior”

Pesquisador: Bruno Kawai Souto Maior de Melo

Bio

Doutor e mestre em História (UFPE, 2020 e 2015). Licenciado em História (UFRPE, 2011). Realizou Estágio Sanduíche no Exterior, na Universidade de Coimbra, com Bolsa CAPES. Atualmente é professor substituto do curso de graduação em História da UFPE, professor formador/tutor do curso de licenciatura em História da EAD/UFRPE e professor da pós-graduação em história de Pernambuco da Faculdade Alpha. Meus interesses de investigação giram em torno do papel da igreja Católica na época moderna, com destaque para os seguintes temas: História da igreja e das atitudes religiosas na monarquia portuguesa, Religião e Política na Modernidade, Ordens Religiosas, Inquisição e Episcopado. Continuar a ler “Pesquisador: Bruno Kawai Souto Maior de Melo”

Pesquisador: Daniel Saraiva

Bio

Doutor em História pela Université Paris IV – Sorbonne (2017), mestre e bacharel em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2009 e 2006). Especializado na área de História Moderna, realiza, atualmente, uma pesquisa de pós-doutorado na UFRJ sobre o insuspeito republicanismo comunal que agitou o reino português e suas possessões americanas nos séculos XVI e XVII. Entre os temas a que se dedica, destacam-se o papel político das opiniões coletivas antes do advento da assim chamada “opinião pública”, a publicação de panfletos e notícias impressas sobre os acontecimentos político-militares do tempo, o engajamento político das camadas populares na Era moderna, as tradições republicanas ibéricas e a importância das noções de pátria e nação nas sociedades de Antigo Regime.

Continuar a ler “Pesquisador: Daniel Saraiva”

Pesquisador: Kleber Clementino

Bio

Sou graduado em História pela UFPE, com mestrado em Educação e doutorado em História Moderna pela mesma instituição (com estágio doutoral na Univ. de Évora, Portugal). Atuo como docente do ensino superior desde 2011. Atualmente, componho o quadro do dep. de História da UFRPE (desde 2017). Meu campo de pesquisa se situa na intersecção entre cultura e política, especificamente pensando a produção de relatos históricos no mundo luso-castelhano do séc. XVII.

Continuar a ler “Pesquisador: Kleber Clementino”

Pesquisador: Thiago Groh

Bio

Graduação em História e Especialização em História Social pela Universidade Estadual de Londrina-PR (UEL). Mestrado em História Social pela Universidade Federal Fluminense e doutorado em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Professor Adjunto na Universidade Federal do Tocantins, campus Araguaína.

Continuar a ler “Pesquisador: Thiago Groh”

Pesquisador: Marcus Vinicius Reis

Bio

É Professor Adjunto na Faculdade de História da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (UNIFESSPA). Doutor em História pelo Programa de Pós-Graduação em História pela Universidade Federal de Minas Gerais. Possui Mestrado pelo Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ/FFP). Possui Graduação (Licenciatura e Bacharelado) em História pela Universidade Federal de Viçosa (2011). É editor da revista Escritas do Tempo, vinculada ao Programa de Pós-Graduação em História da UNIFESSPA. Pertenceu ao Conselho Editorial da revista Temporalidades, vinculada ao Programa de Pós-Graduação em História da UFMG. Também foi bolsista do Programa de Doutorado Sanduíche no Exterior, através da Universidade de Lisboa. Por fim, atua como pesquisador nas seguintes áreas temáticas: Tribunal do Santo Ofício português na Época Moderna; Práticas mágico-religiosas no mundo português da Época Moderna; Gênero e religiosidade; História e Patrimônio. Continuar a ler “Pesquisador: Marcus Vinicius Reis”

Pesquisador: Jorge Victor de Araújo Souza

Bio

Possui graduação em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2004), mestrado em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2007) e doutorado em História pela Universidade Federal Fluminense (2011), com bolsa PDSE na Universidade de Coimbra. Fez estágio de pós doutorado, pesquisando imagens da Época Moderna, na UFF, junto ao laboratório Companhia das Índias, e na UFRJ no HCTE. É professor de História da América Colonial na Universidade Federal do Rio de Janeiro. Tem experiência na área de História, com ênfase em História da América portuguesa e espanhola e História Moderna, atuando principalmente nos seguintes temas: Representação dos conhecimentos e das ciências; Inserção social e expansão territorial de ordens religiosas no período moderno; representações iconográficas da expansão ultramarina; saberes nas Américas. Atualmente pesquisa a noção de cultura visual e suas relações com idolatrias coloniais. É docente do Programa de Pós-Graduação em Ensino de História (UFRJ), do Programa de Pós-Graduação em História Comparada (PPGHC), e do Programa de Pós-Graduação em História Social (PPGHIS), como colaborador. Foi membro titular do Comitê de Ética em Pesquisa do CFCH da UFRJ para área de Ciências Humanas desde novembro de 2015 até abril de 2020. Faz parte do Laboratório Sacralidades da UFRJ. Desde abril de 2020 faz parte da RED COLUMNARIA (Comunidade Internacional de Historiadores das Monarquias Ibéricas).

Continuar a ler “Pesquisador: Jorge Victor de Araújo Souza”

Pesquisadora: Beatriz Polidori Zechlinski

Bio

Beatriz Polidori Zechlinski é professora do Curso de História da PUCPR. Doutora em História pela UFPR (2012), tendo realizado estágio de doutorado na Ecole des Hautes Etudes en Scienses Sociales (EHESS, Paris, 2009-2010). Pesquisa principalmente nas áreas de História Moderna, História da Cultura Escrita e da Leitura, Estudos de Gênero e História das Mulheres, com interesse especial pela literatura de autoria feminina na Época Moderna.

Continuar a ler “Pesquisadora: Beatriz Polidori Zechlinski”

Pesquisador: Luiz César de Sá

Bio

Doutor em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, Luiz César de Sá é professor adjunto de teoria e filosofia da História, membro do Programa de Pós-Graduação em História e vice-chefe do Departamento de História da Universidade de Brasília. Realizou estágios de pesquisa na Universidade de Lisboa (2008-2009), na Princeton University (2013-2014) e na École des Hautes Études en Sciences Sociales (2015-2016). Tem se dedicado ao estudo de ontologias e práticas letradas de uma primeira época moderna. É autor de Escrever para não morrer: retórica da imortalidade no epistolário de Damião de Góis, publicado pela Imprensa da Universidade de Coimbra em 2018.

Continuar a ler “Pesquisador: Luiz César de Sá”

Pesquisador: Adone Agnolin

Bio

Graduação em Filosofia e especialização em História das Religiões, junto à Università degli Studi di Padova (1987), Itália. Doutorado em Sociologia (1998) e Pós-Doutorado em História Social (2000-2003), junto à Universidade de São Paulo (USP), Brasil, onde realizou também sua Livre Docência no ano de 2017. Desde 2003, Professor Doutor (Livre Docente) em História Moderna no Departamento de História (Programa de História Social) da Universidade de São Paulo. Pós-Doc como integrante do Projeto Temático de pesquisa, do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (CEBRAP), “Missões Cristãs e Populações Indígenas: o problema da mediação cultural” (2000-2003) e do Projeto Temático “Dimensões do Império Português” (2005-2010), do Departamento de História – FFLCH-USP, Cátedra ‘Jaime Cortesão’ e Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP): no interior do qual foi coordenador do Núcleo Temático “Religião e Evangelização”. Pós-Doutorado junto à Scuola Normale Superiore, SNS, Itália (2008), com projeto financiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, e pesquisa junto ao Arquivo Histórico dos Jesuítas de Roma e à Torre do Tombo e à Biblioteca Nacional de Lisboa. Atuando, sobretudo, na área de História Moderna, com ênfase em História Moderna e Colonial, História das Religiões, História da Reforma e da Contrarreforma, Catequese e Missionação, Colonização e Mediação Cultural entre Europa, América e Ásia, Antropologia Histórica. Continuar a ler “Pesquisador: Adone Agnolin”

Pesquisadora: Juliana Torres Rodrigues Pereira

Bio

Graduada (2009) e Mestre (2012) em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e Doutora em História Social pela Universidade de São Paulo (2017). Atualmente é Professora de História Moderna na Universidade Federal da Bahia. Trabalha com História Religiosa na Época Moderna. Desenvolve pesquisas sobre: episcopado e Inquisição na Época Moderna; debates teológicos modernos; a Ordem dos Pregadores nos séculos XVI-XVII; magia e feitiçaria na Época Moderna.

Continuar a ler “Pesquisadora: Juliana Torres Rodrigues Pereira”

Pesquisadora: Silvia Liebel

Bio

Dedicada à história cultural da Primeira Modernidade, Silvia Liebel é professora adjunta de História Moderna da Universidade Federal de Minas Gerais, onde também atua no programa de pós-graduação em História, linha de pesquisa História e Culturas Políticas. Sua formação compreende passagem pela Université Paris 13, onde concluiu doutorado pleno (2011) sob a orientação de Robert Muchembled, e pela UFPR, onde cursou mestrado (2006) e graduação (2004). Seus interesses de pesquisa giram em torno de mundos do impresso, gênero, absolutismo, violência e Iluminismo radical, com ênfase no cenário francês. Lidera o grupo de pesquisa do CNPq “Cultura impressa na Europa moderna (séculos XVI-XVIII)” e é editora-chefe da revista Varia Historia. É autora de Les Médées modernes. La cruauté féminine d’après les canards imprimés français (1574-1651) (PUR). Continuar a ler “Pesquisadora: Silvia Liebel”

Pesquisador: Daniel Pimenta Oliveira de Carvalho

Bio

Graduado em História e mestre em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), e doutor em Histoire et Civilisations pela École des Hautes Études en Sciences Sociales de Paris. Realiza pós-doutorado no Programa de Pós-graduação em História Social da UFRJ. Trabalha com História de Portugal e da Europa no século XVII. Desenvolve pesquisas sobre: relações entre diplomacia e publicação na Europa; história política da cultura escrita e da imprensa; história da Restauração portuguesa.

Continuar a ler “Pesquisador: Daniel Pimenta Oliveira de Carvalho”