Pesquisadora: Nívia Pombo

Bio

Sou Professora Adjunta do Departamento de História – Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), atuando na Área de Moderna e Contemporânea. Graduada em História pela UERJ, com Mestrado (2002) e Doutorado (2013) em História Social pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Em 2015, publiquei o livro D. Rodrigo de Sousa Coutinho: pensamento e ação político-administrativa no Império Português (1778-1812), publicando artigos e capítulos de livros dedicados ao final do século XVIII. Atualmente integro como pesquisadora o INCT-Rede Proprietas. Coordeno o Núcleo de Estudos de História Moderna (NEHMO/UERJ). Atuo como Conselheira Editorial da Revista Brasileira de História. Tenho me dedicado aos seguintes temas: Ilustração, elites letradas, cultura escrita, tipografias, estudos de trajetória, Império português, território e direitos de propriedade no final do século XVIII.

Continuar a ler “Pesquisadora: Nívia Pombo”

Pesquisadora: Eliane Cristina Deckmann Fleck

Bio

Graduada e Mestre em História pela UNISINOS (1991) e Doutora em História pela PUCRS (1999). Professora titular da Graduação e pesquisadora do Programa de Pós-Graduação em História da UNISINOS. Pesquisadora do CNPq (PQ 2). Integra a Rede de investigadores da Sociedade Internacional de Estudos Jesuíticos (SIEJ), com sede na EHESS, Paris, a Associação de Brasilianistas na Europa (ABRE), a ANPHLAC, a SBHC e a ANPUH. Integra os Grupos de Pesquisa-CNPq “Jesuítas nas Américas” e “Imagens da Morte: a morte e o morrer no mundo ibero-americano”. Editora da Revista História Unisinos. Suas pesquisas enfocam a História da América e História do Brasil da Época Moderna, privilegiando os seguintes temas: missões religiosas; contatos interculturais; doenças e práticas de cura; viajantes e expedições científicas; cultura escrita e práticas de poder; discursos científicos e religiosos; historiografia colonial. Dentre suas principais publicações estão os livros “As artes de curar em um manuscrito jesuítico inédito do Setecentos” (2015) e “Entre a caridade e a ciência: a prática missionária e científica da Companhia de Jesus. América platina, séculos XVII e XVIII” (2014). Continuar a ler “Pesquisadora: Eliane Cristina Deckmann Fleck”

Pesquisador: William de Souza Martins

Bio

Doutor em História Social pela USP (2001), Mestrado em História pela UFF (1996). É Professor Associado do Instituto de História e do PPGHIS da UFRJ desde 2010. Já trabalhou com os seguintes temas de pesquisa: festas religiosas no Rio de Janeiro; ordens terceiras na América Portuguesa; modelos de santidade feminina na América Portuguesa e no mundo ibérico; oratória sagrada no Antigo Regime ibérico; testamentos no Rio de Janeiro setecentista, etc.

Continuar a ler “Pesquisador: William de Souza Martins”

Pesquisadora: Marcia Amantino

Bio

Graduada em História pela Universidade Federal Fluminense (1992), mestrado (1996) e doutorado (2001) em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e pós-doutoramento pela Universidade Federal de Minas Gerais (2009-2010) e pela Universidade de Évora, Portugal (2012). Realizou um outro mestrado (à distância) pela Universidade Nova de Lisboa (2015), intitulado História do Império português. É professora do Programa de Pós Graduação da Universidade Salgado de Oliveira. É autora dos livros A Companhia de Jesus no Rio de Janeiro: o caso do Engenho Velho, século XVIII (2018); O Mundo das Feras: os moradores do sertão Oeste de Minas Gerais, século XVIII (2008) e co-organizadora de A Companhia de Jesus na América por seus colégios e fazendas: aproximações entre Brasil e Argentina, século XVIII (2015), Santa Cruz: de legado dos jesuítas a pérola da Coroa (2013); História dos homens no Brasil (2013); Escravidão, mestiçagens, ambientes, paisagens e espaços (2011); História do Corpo no Brasil (2011); Povoamento, Catolicismo e escravidão na Antiga Macaé (séculos XVI-XIX) (2011). Possuí também, artigos publicados em periódicos brasileiros e internacionais, elaborados individualmente ou em parcerias com historiadores nacionais, destacando-se nos últimos anos, as produções dedicadas à escravidão de negros e de índios, sobre a economia e inserção social da Companhia de Jesus na capitania do Rio de Janeiro e sobre o processo de expulsão da ordem em 1759 e seus desdobramentos.

Continuar a ler “Pesquisadora: Marcia Amantino”

Pesquisador: Daniel Saraiva

Bio

Doutor em História pela Université Paris IV – Sorbonne (2017), mestre e bacharel em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2009 e 2006). Especializado na área de História Moderna, realiza, atualmente, uma pesquisa de pós-doutorado na UFRJ sobre o insuspeito republicanismo comunal que agitou o reino português e suas possessões americanas nos séculos XVI e XVII. Entre os temas a que se dedica, destacam-se o papel político das opiniões coletivas antes do advento da assim chamada “opinião pública”, a publicação de panfletos e notícias impressas sobre os acontecimentos político-militares do tempo, o engajamento político das camadas populares na Era moderna, as tradições republicanas ibéricas e a importância das noções de pátria e nação nas sociedades de Antigo Regime.

Continuar a ler “Pesquisador: Daniel Saraiva”

Pesquisador: Kleber Clementino

Bio

Sou graduado em História pela UFPE, com mestrado em Educação e doutorado em História Moderna pela mesma instituição (com estágio doutoral na Univ. de Évora, Portugal). Atuo como docente do ensino superior desde 2011. Atualmente, componho o quadro do dep. de História da UFRPE (desde 2017). Meu campo de pesquisa se situa na intersecção entre cultura e política, especificamente pensando a produção de relatos históricos no mundo luso-castelhano do séc. XVII.

Continuar a ler “Pesquisador: Kleber Clementino”

Pesquisador: Thiago Groh

Bio

Graduação em História e Especialização em História Social pela Universidade Estadual de Londrina-PR (UEL). Mestrado em História Social pela Universidade Federal Fluminense e doutorado em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Professor Adjunto na Universidade Federal do Tocantins, campus Araguaína.

Continuar a ler “Pesquisador: Thiago Groh”

Pesquisador: Marcus Vinicius Reis

Bio

É Professor Adjunto na Faculdade de História da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (UNIFESSPA). Doutor em História pelo Programa de Pós-Graduação em História pela Universidade Federal de Minas Gerais. Possui Mestrado pelo Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ/FFP). Possui Graduação (Licenciatura e Bacharelado) em História pela Universidade Federal de Viçosa (2011). É editor da revista Escritas do Tempo, vinculada ao Programa de Pós-Graduação em História da UNIFESSPA. Pertenceu ao Conselho Editorial da revista Temporalidades, vinculada ao Programa de Pós-Graduação em História da UFMG. Também foi bolsista do Programa de Doutorado Sanduíche no Exterior, através da Universidade de Lisboa. Por fim, atua como pesquisador nas seguintes áreas temáticas: Tribunal do Santo Ofício português na Época Moderna; Práticas mágico-religiosas no mundo português da Época Moderna; Gênero e religiosidade; História e Patrimônio. Continuar a ler “Pesquisador: Marcus Vinicius Reis”

Pesquisador: Jorge Victor de Araújo Souza

Bio

Possui graduação em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2004), mestrado em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2007) e doutorado em História pela Universidade Federal Fluminense (2011), com bolsa PDSE na Universidade de Coimbra. Fez estágio de pós doutorado, pesquisando imagens da Época Moderna, na UFF, junto ao laboratório Companhia das Índias, e na UFRJ no HCTE. É professor de História da América Colonial na Universidade Federal do Rio de Janeiro. Tem experiência na área de História, com ênfase em História da América portuguesa e espanhola e História Moderna, atuando principalmente nos seguintes temas: Representação dos conhecimentos e das ciências; Inserção social e expansão territorial de ordens religiosas no período moderno; representações iconográficas da expansão ultramarina; saberes nas Américas. Atualmente pesquisa a noção de cultura visual e suas relações com idolatrias coloniais. É docente do Programa de Pós-Graduação em Ensino de História (UFRJ), do Programa de Pós-Graduação em História Comparada (PPGHC), e do Programa de Pós-Graduação em História Social (PPGHIS), como colaborador. Foi membro titular do Comitê de Ética em Pesquisa do CFCH da UFRJ para área de Ciências Humanas desde novembro de 2015 até abril de 2020. Faz parte do Laboratório Sacralidades da UFRJ. Desde abril de 2020 faz parte da RED COLUMNARIA (Comunidade Internacional de Historiadores das Monarquias Ibéricas).

Continuar a ler “Pesquisador: Jorge Victor de Araújo Souza”

Pesquisadora: Camila Corrêa e Silva de Freitas

Bio

Bacharel e licenciada em História (2007) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, mestra em História Social (2010) pela mesma instituição, e doutora em História Social pela Universidade de São Paulo (2017). Foi professora de História no ensino básico nas redes pública e privada. Realizou estágio de pós-doutoramento na Universidade Federal de Pernambuco, na linha de pesquisa “Mundo Atlântico” (2017-2019). Atualmente é professora substituta na área de Ensino de História na UFPE. Trabalha com História da Companhia de Jesus na Época Moderna, História da América Portuguesa e Ensino de História. Desenvolve pesquisas sobre: produção literária jesuítica, circulação e apropriação da literatura religiosa na Europa, identidades religiosas, santidade católica, cultura política na Época Moderna, a história colonial na historiografia escolar.

Continuar a ler “Pesquisadora: Camila Corrêa e Silva de Freitas”

Pesquisador: Rubens Leonardo Panegassi

Bio

Graduado em História pela Universidade de São Paulo (2004), também é mestre (2008) e doutor (2013) em História Social pela mesma instituição, onde foi bolsista da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Atualmente é professor de História Moderna e Contemporânea do Departamento de História da Universidade Federal de Viçosa. Realizou estágio pós-doutoral na Universidade Federal de Minas Gerais. Entre 2014 e 2017, contou com auxílio financeiro do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico para o projeto A vocação imperial e o reino imaginário: a linguagem política portuguesa nos governos de D. Manuel e D. João III (1495-1557).

Continuar a ler “Pesquisador: Rubens Leonardo Panegassi”

Pesquisador: Yllan de Mattos

Bio

Graduado (licenciatura e bacharelado) em História pela Universidade Gama Filho (2004), pós-graduado (lato senso) em História Moderna pela Universidade Federal Fluminense (2006), mestre (2009) e doutor (2013) em História Social, setor temático de História Moderna, ambos pela Universidade Federal Fluminense. Atualmente é professor de História Moderna no Departamento de História da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, campus de Seropédica, além dos Programas de Pós-Graduação em História da UFRRJ e da UNESP. Coordena desde 2020 o Conselho Editorial da Edur – Editora da UFRRJ – e integra os grupos de pesquisa LAMI (Laboratório de Mundos Ibéricos) e Mundus Novus: Núcleo de Estudos sobre História Moderna. Trabalha com temas como Inquisição, Religião, Religiosidade, Clero, Justiças e História do Livro. Continuar a ler “Pesquisador: Yllan de Mattos”

Pesquisador: Adone Agnolin

Bio

Graduação em Filosofia e especialização em História das Religiões, junto à Università degli Studi di Padova (1987), Itália. Doutorado em Sociologia (1998) e Pós-Doutorado em História Social (2000-2003), junto à Universidade de São Paulo (USP), Brasil, onde realizou também sua Livre Docência no ano de 2017. Desde 2003, Professor Doutor (Livre Docente) em História Moderna no Departamento de História (Programa de História Social) da Universidade de São Paulo. Pós-Doc como integrante do Projeto Temático de pesquisa, do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (CEBRAP), “Missões Cristãs e Populações Indígenas: o problema da mediação cultural” (2000-2003) e do Projeto Temático “Dimensões do Império Português” (2005-2010), do Departamento de História – FFLCH-USP, Cátedra ‘Jaime Cortesão’ e Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP): no interior do qual foi coordenador do Núcleo Temático “Religião e Evangelização”. Pós-Doutorado junto à Scuola Normale Superiore, SNS, Itália (2008), com projeto financiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, e pesquisa junto ao Arquivo Histórico dos Jesuítas de Roma e à Torre do Tombo e à Biblioteca Nacional de Lisboa. Atuando, sobretudo, na área de História Moderna, com ênfase em História Moderna e Colonial, História das Religiões, História da Reforma e da Contrarreforma, Catequese e Missionação, Colonização e Mediação Cultural entre Europa, América e Ásia, Antropologia Histórica. Continuar a ler “Pesquisador: Adone Agnolin”

Pesquisadora: Juliana Torres Rodrigues Pereira

Bio

Graduada (2009) e Mestre (2012) em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e Doutora em História Social pela Universidade de São Paulo (2017). Atualmente é Professora de História Moderna na Universidade Federal da Bahia. Trabalha com História Religiosa na Época Moderna. Desenvolve pesquisas sobre: episcopado e Inquisição na Época Moderna; debates teológicos modernos; a Ordem dos Pregadores nos séculos XVI-XVII; magia e feitiçaria na Época Moderna.

Continuar a ler “Pesquisadora: Juliana Torres Rodrigues Pereira”